Adultos voluntários do GEJA participam de Indaba

Num final de semana acampado com muito aprendizado, as chefias das Seções reforçaram o entrosamento e se capacitaram ainda mais para melhorar a qualidade das atividades dos jovens.

O sábado e o domingo que antecedem o início das atividades de 2020 (dias 1 e 2/Fev) trouxeram uma oportunidade muito especial para os adultos voluntários: uma Indaba Acampada, com direito a uma programação variada e focada no entrosamento entre as equipes, na superação de desafios e na construção de melhores práticas para o Escotismo e para a vida.

Um dos diferenciais desta Indaba foi a possibilidade dos adultos levarem as famílias
O desenvolvimento de habilidades foi um dos aprendizados da Indaba

A Indaba, desenvolvida e coordenada por Hugo Sales (Diretor de Métodos Educativos) e Marcelo Elias (Baloo da Alcateia Lobo Guará), começou às 7h da manhã do sábado, com a chegada dos chefes para montar os subcampos. Todas as equipes — incluindo a Diretoria — montaram suas barracas, preparam seus locais de refeição, organizaram seus materiais e seguiram para a cerimônia de hasteamento da bandeira, às 9h40min.

A partir daí, os adultos passaram a se atuar como se fossem jovens, com direito a criar grito de patrulha, escolher monitor e submonitor, cozinheiro e outros cargos comuns às patrulhas dos membros jovens. Em seguida, partiram para as dinâmicas e jogos, todos com fundo educativo e organizados por ramos: Lobinho, Escoteiro, Sênior e Pioneiro.

Durante este final de semana, todos os adultos tiveram vivências e experiências semelhantes às que os jovens têm. Com isso, os adultos puderam entender melhor o que acontece nos outros ramos, contribuindo para a criação de espírito de equipe e de melhores práticas, uma vez que entendimento conquistado permite preparar atividades mais integradas, jogos mais significativos e proporcionar um processo formativo mais capaz de preparar os jovens para a vida e para o mundo.

A participação de Katia de Mello Dantas abriu as portas para a conscientização sobre a violência contra a criança

Cada jogo ou dinâmica foi seguido por um momento de avaliação e debate, dando aos adultos a oportunidade de discutir seu entendimento, a aplicação daquela realidade para os jovens e a sua relação com o Programa Educativo dos Escoteiros do Brasil.

A Indaba teve uma participação especial de Katia de Mello Dantas, Diretora para a América Latina do ICMEC – International Centre for Missing and Exploited Children. Katia puxou uma conversa com os adultos sobre temas relacionadas à violência contra a criança, em especial sobre o abuso sexual infantil, um dos males exacerbados pela tecnologia. O objetivo foi criar consciência sobre situações e abuso, conhecer melhor os sinais de um possível abuso e discutir o que fazer no caso de suspeita de abuso infantil.

A Indaba terminou às 16h30min do domingo, com os adultos cansados da aventura do final de semana, porém mais preparados e motivados para aplicar atividades cada vez melhores para os nossos jovens.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas:

Notícias

A Sede é Nossa!

GDF e GEJA assinam termo de cessão da sede do grupo com vigência de 20 anos, prorrogáveis. Na manhã dessa sexta-feira (03/07/2020), uma cerimônia simbólica marcou a entrega do Termo de Cessão de Uso nº 1/2020, que formaliza a ocupação da nossa sede para a prática do escotismo. O termo foi assinado pela Administradora Regional

Leia mais »

Também pode interessar...

Rolar para cima

Formulário de envio de Projeto de Vida

Se você é pioneiro(a), um dos seus itens de progressão é fazer um projeto de vida. Esse formulário é a versão on line do modelo que está no seu Guia Pioneiro, portanto fique à vontade para utilizá-lo.

Identificação

Minha Visão de Futuro

Como me vejo daqui a cinco anos? Redija textos curtos, representativos da sua visão de futuro em cada uma das seis áreas de desenvolvimento.

Metas para o ano atual

Quais os passos intermediários necessários para alcançar sua visão de futuro e que podem ser dados neste ano? Liste uma ou duas metas a serem alcançadas neste ano. As metas devem ser claras e factíveis.
Visão 1: QF - Físico (corpo)
Visão 2: QI - Mental (mente) => denominamos "intelectual"
Visão 3: QC - Coletiva (sociedade) => denominamos "social"
Visão 4: QE - Emocional (coração) => denominamos "afetivo"
Visão 5: QS - Espiritual (espírito)
Visão 6: QV - Caráter (valores)

Plano de Ação

Crie o seu Plano de Ação! Para cada meta, liste as tarefas e prazos a serem cumpridos para alcançá-la, incluindo os recursos necessários. Lembre-se de prever tarefas exequíveis, mas que tragam algum desafio.
Meta 1a
Meta 1b
Meta 2a
Meta 2b
Meta 3a
Meta 3b
Meta 4a
Meta 4b
Meta 5a
Meta 5b
Meta 6a
Meta 6b

Encerramento

Use este espaço para escrever qualquer observação, meta intermediária, anotação etc. que possa ajudar no futuro. Talvez uma referência, um texto interessante, um comentário, um pensamento...
Se quiser, você também pode anexar um ou mais arquivos ao seu Projeto de Vida. Isso pode ser útil, por exemplo, no caso de um portfólio, um currículo, uma carta de intenções ou outros documentos. O Projeto é seu, então vale qualquer coisa que você quiser! Para anexar mais de um arquivo, mantenha a tecla Control (CTRL) apertada enquanto seleciona os arquivos.

Cadastro de Instrutores

Entrar com a sua conta