supera08

Os lobinhos exercitaram o cérebro pelo método Supera, implantado no Brasil há dez anos.

No último sábado, 12 de novembro, membros juvenis e adultos do GEJA tiveram à disposição uma oficina demonstrativa de como exercitar o cérebro e torna-lo mais ativo. Com uma gama de jogos dispostos na sede do GEJA, as atividades propostas eram focadas no desenvolvimento intelectual, alinhando pensamento e ação, estratégia e busca de soluções. Ábaco, desafios de lógica, jogos de tabuleiros e equações aparentemente matemáticas fizeram parte da oficina.

Coordenada pela Alcateia Lobos do Parque, a atividade chamou a atenção também de pais que permaneceram no GEJA para reunião com a diretoria. É o caso de Marcelo Gozzer, pai do lobinho Rafael Gozzer, da Alcateia Uivos do Cerrado, que ficou instigado com as possibilidades de exercitar o cérebro a todo instante. “Eu achei a idéia fantástica e já fiquei imaginando alternativas para levar essa ginástica de forma lúdica para brincar com as crianças em casa. As possibilidades vão muito além de mudar o lado do mouse”, contou Marcelo, que também é pai da Beatriz (3), futura lobinha do GEJA.

supera03Os lobinhos adoraram a atividade. “Eles estavam empolgados e se desenvolveram em todos os desafios com muito entusiasmo, buscando sempre a superação”, enfatizou a chefe Íris, que recomenda o método como exercício das capacidades cognitivas, aumentando a criatividade, concentração, foco, raciocínio lógico, segurança, auto estima, perseverança, disciplina e coordenação motora dos nossos jovens.

Ficou curioso? Quer saber mais sobre o método Supera? Acesse o site www.metodosupera.com.br e conheça mais.

Por Ana Carolina Braz

Alcateia Lobos do Parque promove oficina de “ginástica cerebral”
Classificado como:            

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: